Utilizador:EJWM/rascunho: diferenças entre revisões

2 123 bytes adicionados ,  2 de junho de 2010
sem resumo de edição
Sem resumo de edição
Sem resumo de edição
 
A classificação dos fornecedores localizados na pesquisa terá em conta a localização e dimensão do fornecedor e as características especificadas pelo produtor, intermediário ou cliente. Esta classificação tem como objectivo avaliar aspectos específicos do fornecedor.
 
 
Normalmente, as categorias de aprovisionamento para a classificação são:
 
* Componentes;
* Matérias-primas;
* Matérias operacionais (consumíveis);
* Equipamento de apoio,
* Equipamento do processo;
* Serviços.
 
 
Após a classificação ser realizada, a avaliação do fornecedor segue uma hierarquia de especificações dadas pela empresa a ser aprovisionada. As especificações estão relacionadas com o preço, qualidade e entrega. A hierarquia de especificações exigida pelo cliente e a classificação dada aos fornecedores dão informações sólidas ao comprador na escolha da fonte abastecedora.
 
 
No entanto, recorrer a uma única fonte abastecedora é por vezes a única solução. Em certos casos onde a empresa necessita de produtos com tecnologia complexa ou patenteados, a reputação do fornecedor é favorável ou quando o cliente exige um determinado fornecedor, o comprador ver-se-à obrigado a recorrer a um único fornecedor. O problema estará na falta de segurança no aprovisionamento e o facto de as quantidades exigidas pelo comprador não poderem ser altas, aumentando em certos casos o preço do produto a adquirir.
 
'''Total quality management'''
 
O preço é um factor bastante importante, mas também o é a qualidade. Actualmente, para muitos clientes, a qualidade é um factor altamente importante. O preço da aquisição não representa o custo total do produto, apenas uma parte do custo total onde se inserem outros custos como a maquinação, rupturas, tempos mortos, operações extra, etc.. O nível de qualidade deverá ser previamente calculado para as especificações poderem ser enviadas ao fornecedor. A qualidade dos materiais é da responsabilidade do departamento de aprovisionamento.
 
 
'''Just In Time'''
 
 
Just in time, JIT, é uma filosofia de fazer negócios. Visa a identificação e a eliminação de desperdícios ao longo do sistema produtivo. Sendo assim, o processo de melhoria contínua é facilmente aplicável com esta filosofia, tornando-se até, a parte central de toda a gestão. A implementação do JIT serve para produzir para uma procura conhecida, denomina-se a esta prática de "pull" de produção. JIT traz certos benefícios como:
 
* Redução de existências;
* Redução de tempos de produção;
* Aumento da qualidade dos produtos;
* Redução do espaço necessário para a produção do produto final.
 
 
Por sua vez, o sistema JIT está também muito dependente da qualidade e serviço do fornecedor. O esforço na redução de desperdícios inclui o fornecedor em toda a cadeia de abastecimento. Este sistema dificulta a escolha do fornecedor devido a complicações inerentes, tais como:
 
* Falta de cooperação por parte dos fornecedores;
* A qualidade deixa de ser inspeccionada, e passa a ser estatística, daí a elevada importância de um fornecedor com boa qualidade de serviço e materiais;
* Os fornecedores têm de mostrar cartas de controlo de produção para prevenção de possíveis contratempos;
* As relações tem de ser cooperativas e coordenadas.
 
 
84

edições