Diferenças entre edições de "Logística/Gestão de desperdícios e rejeitados/Resíduos sólidos urbanos/Politica dos 3 R's"

actualização
(actualização)
(actualização)
 
 
Devido ao crescente aumento dos [[w:RSUResíduos sólidos urbanos|RSU'''Resíduos sólidos urbanos''']] (RSU), tornou-se necessário implementar uma [[w:política|política]] que promove a diminuição da produção de resíduos e que foi informalmente intitulada política dos 3 R´s, uma vez que tem por base os princípios de [[w:redução|Redução]], [[w:reutilização|Reutilização]] e [[w:reciclagem|Reciclagem]] dos RSU, contribuindo qualquer uma, por ordem decrescente, para a redução da [[w:quantidade|quantidade]] de resíduos gerados, assim como para o consumo de [[w:energia|energia]] utilizado e de [[w:recurso|recursos]] naturais consumidos ([[Logística/Referências#refbRESIDUOSSOLIDOS|Gestão, 2003]]).
 
==Redução==
 
;Reduzir
Numa [[w:sociedade|sociedade]] de [[w:consumo|consumo]], onde os [[w:produto|produtos]] e [[w:embalagem|embalagens]] abundam e os seus [[w:custo|custos]] de [[w:tratamento|tratamento]] e eliminação são elevados, a redução é o primeiro ponto na [[w:hierarquia|hierarquia]] desta politica por ser o [[w:método|método]] cuja [[w:adopção|adopção]] tem maior impacto no [[w:ambiente|ambiente]], uma vez que, só reduzindo a quantidade consumida é possível diminuir a quantidade de resíduos existentes. Esta politica deve ser equacionada em duas vertentes, a primeira ao nível da redução da quantidade dos resíduos produzidos e, a segunda ao nível da redução da perigosidade dos resíduos ([[Logística/Referências#refbVALORAMBIENTE|VALORAMBIENTE, 2008]]).
 
Numa [[w:sociedade|sociedade]] de [[w:consumo|consumo]], onde os [[w:produto|produtos]] e [[w:embalagem|embalagens]] abundam e os seus [[w:custo|custos]] de [[w:tratamento|tratamento]] e eliminação são elevados, a redução é o primeiro ponto na [[w:hierarquia|hierarquia]] desta politica por ser o [[w:método|método]] cuja [[w:adopção|adopção]] tem maior impacto no [[w:ambiente|ambiente]], uma vez que, só reduzindo a quantidade consumida é possível diminuir a quantidade de resíduos existentes. Esta politica deve ser equacionada em duas vertentes, a primeira ao nível da redução da quantidade dos resíduos produzidos e, a segunda ao nível da redução da perigosidade dos resíduos ([[Logística/Referências#refbVALORAMBIENTE|VALORAMBIENTEPolítica, 20082010]]).
A redução de resíduos na origem ou a prevenção da sua produção pode ser conseguida através da aposta da implementação de determinados mecanismos, como por exemplo ([[Logística/Referências#refbPERSUII|PERSUII, 2007, p56-58]]):
 
A redução de resíduos na origem ou a prevenção da sua produção pode ser conseguida através da aposta da implementação de determinados mecanismos, como por exemplo ([[Logística/Referências#refbPERSUII|PERSUII, 2007, p56-58]]):
 
* Promover o projecto,[[w:manufactura|manufactura]] e embalagem de produtos com um conteúdo [[w:tóxico|tóxico]] minimizado, [[w:volume|volume]] mínimo de material ou [[w:vida|vida]] útil mais longa ([[Logística/Referências#refbRESIDUOSSOLIDOS|Gestão, 2003]]);
* Reforçar o investimento em Investigação e Desenvolvimento nomeadamente no capítulo do ecodesign de produtos ([[Logística/Referências#refbPORTARIA2007|Portaria nº 187/2007, p. 1068-1070]]);
* Implementar ecotaxas, de modo a penalizar os produtos cuja gestão, enquanto resíduos, impliquem maiores impactes ambientais;
* Disponibilizar aos [[w:consumidor|consumidores]] produtos em embalagens reutilizáveis;
* Promover junto da [[w:população|população]] medidas de eco-consumo :
** Fomentar a reutilização dos “sacos de cliente” das cadeias de Distribuição e garantir que estes são, sucessiva e tendencialmente, fabricados em materiais [[w:biodegradável|biodegradáveis]];
** Incentivar a [[w:compostagem|compostagem]] caseira para reduzir os componentes de resíduos biodegradáveis ([[Logística/Referências#refbPERSUIIrefbPORTARIA2007|PERSUII,Portaria nº 187/2007, p56p. 1068-581070]]);
** Utilizar produtos em embalagens familiares em vez de embalagens individuais;
** Evitar produtos duplamente embalados e produtos [[w:descartável|descartáveis]], de usar e deitar fora;
** Evitar utilizar os sacos de [[w:plástico|plástico]] fornecidos pelas [[w:loja|lojas]] e levar sacos de materiais reutilizáveis ou biodegradáveis para transportar as compras([[Logística/Referências#refbVALORAMBIENTE|VALORAMBIENTE, 2008]]);
 
 
;Reutilizar
==Reutilização==
 
A Reutilização é o processo através do qual se reintroduzem, sem alterações significativas, [[w:substância|substâncias]], [[w:objecto|objectos]] ou produtos nos circuitos de produção ou de consumo de forma a reduzir a produção de resíduos. Através deste processo são dados novos usos a materiais já utilizados, podendo estes ser até usados com um objectivo diferente daquele que era o seu objectivo inicial ([[Logística/Referências#refbVALORAMBIENTE|VALORAMBIENTEPolítica, 20082010]]).
 
Alguns exemplos desta prática são ([[Logística/Referências#refbVALORAMBIENTE|VALORAMBIENTE, 2008]]):
* entrega a instituições de solidariedade social de roupas, livros e brinquedos
* utilização de pilhas recarregáveis e de embalagens reutilizáveis (com depósito)
 
 
;Reciclar
==Reciclagem==
 
Reciclagem consiste no reprocessamento de resíduos com vista à recuperação e, ou regeneração das suas matérias constituintes em novos produtos a afectar ao fim original ou a fim distinto. A reciclagem permite transformar um objecto noutro objecto diferente, de modo a ser reintroduzido no ciclo económico como matéria-prima secundária, poupando nesse processo muitos recursos naturais, matérias-primas, custos de produção e ainda evitando a poluição. Este processo deve ocorrer sempre que não seja possível deixar de produzir um resíduo ou quando não se encontre outra utilização possível para esse objecto. Para que este processo tenha lugar é fundamental que o resíduo não seja depositado junto com os indiferenciados, mas sim no contentor apropriado da recolha selectiva de materiais ([[Logística/Referências#refbVALORAMBIENTE|VALORAMBIENTE, 2008]]).
 
Reciclar tem vantagens ambientais e económicas,são elas ([[Logística/Referências#refbVALORAMBIENTE|VALORAMBIENTE, 2008]]):
 
[[w:economia|Economia]] de energia - fabricar materiais a partir de resíduos consome menos energia do que fabricá-los a partir de matérias [[w:virgem|virgens]]. Muitos dos recursos energéticos que se poupam são fontes de energia não renováveis, como é o caso do [[w:petróleo|petróleo]].
212

edições