Logística/Gestão de desperdícios e rejeitados/Resíduos industriais e comerciais: diferenças entre revisões

Editar
(Atualizando a categoria do livro, com AutoCat (detalhes). utilizando AWB)
(Editar)
{{Nav2|'''[[Logística/Gestão de desperdícios e rejeitados|Gestão de desperdícios e rejeitados]]'''|[[../Resíduos sólidos urbanos/|Resíduos sólidos urbanos]]''|[[../Resíduos agrícolas/|Resíduos agrícolas]]|}}
 
Biliões de toneladas de resíduos industriais são gerados e geridos no local, em instalações industriais de cada ano, a quantidade gerada é aproximadamente quatro vezes maior do que a quantidade de RSU produzidos (Tammemagi, 1999). Gerado por um amplo espectro de instalações, os resíduos industriais são os subprodutos da fabricação e outros processos.
 
De acordo com o Capítulo 4 do [[Logística/Referências#refbDecretolei2002|Decreto-Lei n.º 89/2002, de 9 de Abril]], entende-se por [[w:Resíduo industrial|resíduo industrial]] «os resíduos gerados em actividades industriais, bem como os que resultem das actividades de produção e distribuição de electricidade, gás e água.»
18

edições