A Cidade do Rio de Janeiro no Século XVII/A Cidade Desce o Morro: diferenças entre revisões

Adicionei fotos.
[edição não verificada][edição não verificada]
(Corrigi informação.)
(Adicionei fotos.)
[[File:Igreja de Nossa Senhora do Bonsucesso, entrada enfeitada para um casamento.jpg|thumb|Fachada da igreja de Nossa Senhora do Bonsucesso]]
[[File:Interior da Igreja de Nossa Senhora do Bonsucesso, visto do coro alto (6).jpg|thumb|Interior da igreja da Nossa Senhora do Bonsucesso]]
Em 1638, passou pela cidade o padre jesuíta peruano Antonio Ruiz de Montoya em sua viagem até a Europa, procedente das missões jesuíticas do Paraguai. Montoya iria se queixar perante as autoridades europeias sobre os ataques dos bandeirantes paulistas às missões jesuítas no interior do continente. Montoya se notabilizou por ter escrito a primeira gramática da língua guarani, o ''Tesoro de la lengua guaraní'', que viria a ser publicada no ano seguinte, em Madri, na Espanha.
 
Em 1639, o temor novamente de um ataque neerlandês levou à reforma da fortaleza na ilha das Cobras, que passou a se chamar fortaleza de Santa Margarida da ilha das Cobras, em homenagem à vice-rainha de Portugal, Margarida de Saboia.
 
Em 1641, João de Souza Pereira Botafogo foi morar na enseada de Francisco Velho, que havia sido batizada em homenagem a um companheiro do fundador da cidade Estácio de Sá. A partir de então, a enseada passou a chamar-se enseada de Botafogo<ref> http://www.solardebotafogo.com.br/index.htm</ref>. No mesmo ano, a cidade comemorou a coroação de D. João V como rei de Portugal com a encenação de uma peça no largo do Paço <ref>http://www.pedagogiaemfoco.pro.br/hrsxvii.htm</ref>.
[[File:Botafogo Rio de Janeiro.JPG|thumb|Enseada de Botafogo: um dos principais ícones da cidade]]
 
Em 1644, foi criada a freguesia de Irajá<ref>http://www.pedagogiaemfoco.pro.br/hrsxvii.htm</ref>.
[[File:Brasao-irajario.jpg|thumb|Brasão de Irajá. A abelha se refere ao significado de "irajá": "o mel brota", em tupi.]]
[[File:Praiagrande1.JPG|thumb|Praia grande, em Barra de Guaratiba]]
Em 1679, a lagoa que se localizava no sopé do morro de Santo Antônio foi aterrada, dando origem ao atual largo da Carioca. Para a drenagem da lagoa, foram abertos uma vala e um cano para escoamento da água, dando origem às ruas da Vala e do Cano, respectivamente, atuais ruas Uruguaiana e 7 de Setembro<ref>http://www.marcillio.com/rio/encecari.html e http://www.marcillio.com/rio/encerbe1.html</ref>.
[[File:RuaUruguaianaRioDeJaneiro.JPG|thumb|Rua Uruguaiana]]
 
Nessa época, grande parte da população branca da cidade era composta por cristãos-novos, ou seja, por judeus convertidos à força ao Cristianismo. Porém, como a repressão religiosa era branda, os cristãos-novos continuaram a manter suas tradições religiosas judaicas, ao lado das práticas cristãs. Os cristãos-novos da cidade se dedicavam a diferentes profissões: eram médicos, artesãos, funcionários públicos, donos de engenhos de açúcar etc.<ref>http://www.rumoatolerancia.fflch.usp.br/node/105</ref>.
[[File:Maimon-Marrans.jpg|thumb|Cristãos-novos (também chamados marranos) em pintura do século XIX de Moshe Maimon]]
2 144

edições