Português/Classificação das palavras/Substantivos: diferenças entre revisões

sem resumo de edição
Sem resumo de edição
Sem resumo de edição
{{PT-ILP|Classificação das palavras/Substantivos|Substantivos}}
__NOTOC__
No português, como em qualquer outro idioma, existem palavras para nomear um '''ser ou um objeto''', uma '''ação''', e '''qualidade ou estado''', considerados separados dos '''seres ou objetos''' a que pertencem. EssasAs palavras que nomeiam seres ou objetos formam a maior classe morfológica da língua portuguesa, os '''substantivos''' (ex.: ''livro, gato, mesa, cama, Brasil,'' etc).
 
Qualquer palavra pode ser substantivada, isto é, tornar-se substantivo, bastando precedê-la de um [[Português/Classificação das palavras/Artigos|artigo]] ([[Português/Função das palavras|determinantes]]). Determinantes sempre precedem substantivos. ''Exemplo: "O não é uma palavra dura"'' (''não'' é advérbio, mas por neste caso possuir função de sujeito torna-se substantivo).
 
O substantivo ainda atua como [[Português/Análise sintática/Núcleo|núcleo do sujeito]], do [[Português/Termos integrantes/Complemento Verbal/Objeto direto|objeto direto]], do [[Português/Termos integrantes/Complemento Verbal/Objeto indireto|objeto indireto]] e, do [[Português/Termos integrantes/Agente da passiva|agente da passiva]], do [[Português/Termos acessórios/Aposto|aposto]] e do [[Português/Termos acessórios/Vocativo|vocativo]]. Qualquer outra palavra de diferente classe gramatical que desempenhe uma dessas funções na oração equivaler-se-á forçosamente a um substantivo.<ref>Ferreira, Celso, ''Gramática da Língua Portuguesa'', pag. 187</ref>
 
Para ter uma visão mais clara sobre um substantivo, veja as seguintes páginas:
===Flexões===
 
5 327

edições