Cálculo (Volume 1)/Aplicações das derivadas: diferenças entre revisões

<math> T= \frac{x}{n}</math>
 
A taxa é uma relação linear, que pessupõepressupõe o comportamento de dependência direta entre os termos; se tivéssemos que representar esta taxa em um gráfico, onde variássemos a quantidade de recipientes ''"n"'' e calculássemos o valor de ''"x"'', mantendo ''"T"'' constante, teríamos uma reta. É plausível pensar que a taxa ''"T"'' é constante, porém na natureza e no nosso cotidiano encontramos situações que raramente mostram a constância que observamos nesta equação, o mais comum é que tenhamos uma taxa diferente para cada situação em que nos deparamos.
 
Um caso típico, é a medida de velocidade de um corpo em movimento, se imaginarmos um carro andando pelas ruas de uma cidade, é impossível visualizar uma situação em que o carro tenha que se manter em velocidade constante por todo tempo que se mova a fim de chegar a seu destino. Uma vez que temos um ponto inicial <math>S_i</math> e um final <math>S_f</math>, além de um instante inicial <math>t_i</math>e um final <math>t_f</math>, também podemos calcular a velocidade média desenvolvida pelo veículo neste trajeto, que é:
Utilizador anónimo