Linux para iniciantes/A interface gráfica KDE: diferenças entre revisões

sem resumo de edição
[edição não verificada][edição não verificada]
(Nova página: Na maioria dos sistemas operacionais, existe um modo texto e um modo gráfico. No modo texto, os comandos são digitados em um terminal e em geral há necessidade de memorizar os coman...)
 
Sem resumo de edição
Na maioria dos sistemas operacionais, existe um modo texto e um modo gráfico. No modo texto, os comandos são digitados em um terminal e em geral há necessidade de memorizar os comandos. Os usuários de desktop mais antigos devem se lembrar que ao ligar o computador aparecia o chamado "prompt de comando" - no MS-DOS, era representado pelo sinal '''C:\>'''. Já no modo gráfico, não existe prompt de comando. Existem ícones e áreas na tela que, ao serem acionadas com o mouse, executam determinado comando.
 
Como já foi explicado, ao contrário do Windows e do Mac OS, existe várias interfaces gráficas para Linux. Neste livro, vamos explicar como trabalhar com a interface gráfica KDE, uma das mais usadas interfaces gráficas para Linux e provavelmente a mais flexível de todas, podendo ser adaptada de tantas formas quanto o usuário queira. Logo ao efetuar o login e acessar a área de trabalho, aparecerá uma tela como esta:
 
[[Imagem:DesktopKDE.png|400px|center]]
 
{{esboço}}
106

edições