Diferenças entre edições de "Engenharia genética/Os vetores do sistema pET"

sem resumo de edição
O hospedeiro mais comummente utilizado é o BL21, o qual tem a vantagem de ser deficiente em ambas as proteases lon and ompT. Recentemente, a Novagen introduziu dois derivados do BL21 para finalidades especiais, dos quais salientamos a série B834 que é um auxotrófico deficiente em metionina e, então, permite elevada actividade específica marcando as proteínas-alvo com 35S-metionina ou selenometionina.
Utilizámos Escherichia coli BL21(DE3) pET-Pfu e pET-Taq.
 
Como estirpe hospedeira do Sistema pET utilizámos ''Escherichia coli'' BL21(DE3) pET-Pfu e pET-Taq.
 
Derivação
Características Especiais
Resistência a Antibióticos
Competência das Células
BL21(DE3)
B834
Faltam as proteases lon e ompT
Nenhuma
Sim
 
 
== '''Vantagens do Sistema pET:''' ==
187

edições