Aliner.silva/Esboços

Meta


Objetivos

Linguística: ciência no século XX - IntroduçãoEditar

Ainda hoje o senso comum estranha a afirmação de que Linguística é uma ciência, pois imagina que ciência está em laboratórios, ligada à áreas da física ou da biologia. A Linguística, como qualquer outra ciência, possui um objeto de estudos delimitado e possui uma metodologia de investigação. Nesta aula, baseada no capítulo (cadê o nome do capítulo????) de Saussure, vamos ver as áreas de estudo que, desde a antiguidade, se debruçaram sobre a linguagem e o caminho percorrido até o estabelecimento da Linguística como uma ciência.

Fases do estudo da linguagemEditar

  A ciência que se constituiu em torno dos fatos da língua passou por três fases sucessivas antes de reconhecer qual é o seu verdadeiro e único objeto  
SAUSSURE, [20--?], p. 7

Os estudos sobre a linguagem passaram por 3 fases: a gramática, a Filologia e a Gramática comparada.

A gramática se inicia na Grécia antiga e tem como objetivo formular regras que determinam o uso Correto da língua. (nota: ver a questão prescrição x descrição a respeito do conceito de “certo” e “errado” na língua.

A Filologia tinha como objetivo a interpretação de textos antigos. Ao longo do tempo e com as sucessivas edições, a forma e o sentido de um texto podem se alterar. A Filologia compara os textos visando determinar (fixar) sua forma mais fiel possível à última versão lançada em vida pelo autor. Para tanto, ela tem que lançar mão de estudos linguísticos.

A Filologia (ou Gramática) comparada surge no século XIX quando os estudos que comparavam gramáticas de diferentes línguas europeias encontrou evidências da existência de uma língua ancestral em comum entre elas.

Mais detalhes nas seções a seguir.

Gramática, normatividade e gramaticalidadeEditar

FilologiaEditar

Gramática comparadaEditar

ConclusãoEditar

Notas

Referências

SAUSSURE, F.. Curso de Linguística Geral. São Paulo: Cultrix, 1975

Ligações externasEditar

O circuito da Fala Vídeo. Duração:01:18m

Sobre o princípio da arbitrariedade do signo em Saussure Vídeo. Duração 5:21m

O Princípio da Linearidade do Signo em Saussure Vídeo. Duração 8:21m