Construção coletiva/Entrega da Brinquedoteca

Entrega da Brinquedoteca


O que éEditar

Lançamento do projeto Brinquedoteca Móvel o presidente da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, deputado Alberto Pinto Coelho (PP), participou, na tarde desta segunda-feira (17/8/09), do lançamento do Programa Brinquedoteca Móvel. O projeto foi lançado pelo governador de Minas, Aécio Neves, e pela presidente do Serviço Voluntário de Assistência Social (Servas), Andrea Neves, em cerimônia realizada no Palácio da Liberdade. No lançamento, foram entregues brinquedotecas a 120 hospitais públicos ou filantrópicos pertencentes à rede Pro-Hosp e à Fundação Hospitalar do Estado (Fhemig). Além de Alberto Pinto Coelho, mais de dez deputados, representando diferentes regiões de Minas, estiveram presentes à solenidade.

A Brinquedoteca Móvel é formada por dois grandes cubos sobrepostos e articulados, que são equipados com 96 itens entre bonecas, carrinhos e outros brinquedos, além de livros, lápis, jogos, aparelhos de DVD, TV, MP4 e fones de ouvido. O projeto atende a crianças e adolescentes de zero a 14 anos. Cada brinquedoteca tem dimensões de 60 centímetros de profundidade por 1,40 metro de altura, rodas, tudo feito com material leve, o que permite o deslocamento do módulo por diversos ambientes. Além disso, as bandejas móveis do artefato servem de suporte para que crianças, mesmo no leito do hospital, possam brincar.

Doações - As brinquedotecas foram desenvolvidas em quatro modelos coloridos e ilustrados com animais da fauna brasileira - onça, tartaruga, lobo-guará e mico-leão - e foram escolhidas seguindo a orientação de pedagogos e terapeutas. Os módulos podem ser doados a entidades de todo o Estado por pessoas físicas, empresas ou pela soma de diferentes contribuições. A doação pode ser feita por meio do repasse de recursos ao Servas ou através do Fundo para a Infância e Adolescência (FIA), com o doador indicando a instituição a ser beneficiada. Mais informações podem ser obtidas no site www.brinquedoteca.servas.org.br.

Parceria - Após o evento, o presidente Alberto Pinto Coelho elogiou a iniciativa, considerando-a muito louvável, e destacou a importância da parceria firmada entre o Governo do Estado, o Servas e a iniciativa privada. "Parceria é a palavra de ordem nesta administração. Afinal, a responsabilidade pelos problemas é de cada um de nós, não só do governo", disse.

Com essa mesma linha de pensamento, o governador Aécio Neves afirmou que o diferencial desse projeto é "contar com a solidariedade dos parceiros, tendo a compreensão de que não cabe apenas ao Estado a responsabilidade pelo bem estar de todos".

De acordo com a presidente do Servas, Andrea Neves, além de hospitais, o programa Brinquedoteca Móvel poderá também ser levado a creches, escolas públicas e entidades assistenciais. Agradecendo às cerca de 40 empresas parceiras no projeto, além de famílias mineiras, ela disse que essa e outras ações do Servas têm em comum o sentimento da solidariedade.

Essa é a terceira versão do programa Brinquedoteca. A primeira foi lançada em 2004, com o apoio do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), e atendeu 468 creches em 129 municípios mineiros, atingindo 35 mil crianças entre zero e seis anos de idade. A partir de 2007, começaram a ser instaladas cinco brinquedotecas hospitalares em Belo Horizonte. Essas são diferentes da Brinquedoteca Móvel por se tratarem de estruturas fixas, projetadas e instaladas em espaços do próprio hospital.

Mesa - Além dos citados na matéria, compuseram a mesa dos trabalhos: os secretários de Estado de Governo, Danilo de Castro; de Saúde, Marcus Pestana; e de Desenvolvimento Social, Agostinho Patrús Filho; o vice-presidente da Fiemg, Olavo Machado Jr.; o diretor presidente da Ricardo Eletro, Ricardo Nunes, representando as empresas parceiras; e o procurador de Justiça Cássio Eduardo Rosa, da Fundação Mário Pena, representando os hospitais beneficiados.


DemandaEditar

O evento de Lançamento do projeto Brinquedoteca Móvel ocorreu no dia 17 de Agosto entre 15:30 e 16:30 horas no Palácio da Liberdade, com a presença do Governador de MG, demais autoridades. Havia a necessidade de realizar a transmissão simultânea e o TEIAMG foi contatado para atender essa demanda, já que o Governador do estado de Minas Gerais esteve presente nesse cenário dentre outros mais orgaos.

AçõesEditar

Para realizar a transmissão, inicialmente pensou-se em utilizar os equipamentos que são utilizados normalmente numa transmissão online: webcam, microfone externo e a conexão 1mb do mini modem do TEIA MG . Utilizou uma web cam para a captura do videio e o áudio direto mesa de som, já que assim obteríamos uma qualidade melhor em áudio. Na captura do áudio, foi utilizado um cabo p2-p2, conectando a mesa de som ao notebook e transmitindo o áudio direto da mesa.

VantagensEditar

O custo da transmissão online, com todos os equipamentos e pagamento dos dois agentes responsáveis por toda a parte de transmissão e interação online custou menos de 1000 reais, onde se mostra uma economia em relação aos meios tradicionais, que cobrariam valores bem mais elevados que isso devido ao tipo de serviço prestado , as horas trabalhadas e o equipamento utilizado.

ReferenciasEditar


TEIAMG

Agencia Minas

Ustream

Servas

Link video