Guia do Linux/Iniciante+Intermediário/Hardware/Configurações de Dispositivos: diferenças entre revisões

Pequena introdução escrita por alguém que vive tomando ferro com hardware
[edição não verificada][edição não verificada]
(formatando com ajuda de conversores)
(Pequena introdução escrita por alguém que vive tomando ferro com hardware)
 
As seções abaixo explicam como fazer configurações em dispositivos diversos no sistema <code>Linux</code> como placas de rede, som, gravador de CD entre outras.
 
Como regral geral, para um ''hardware'' funcionar adequadamente, deve-se:
 
* Identificar o nome (marca, fabricante, versão, etc) do hardware. Provavelmente esta informação está no manual do computador ou pode ser obtida via software.
* Descobrir quais são os módulos que fazem este hardware funcionar. Neste ponto, uma busca por palavras-chave na Internet pode ser útil.
* Baixar, instalar e carregar este(s) módulo(s).
* Configurar o hardware. Normalmente, este é o passo mais complicado, já que cada hardware tem opções peculiares e exóticas.
* Baixar e instalar o software aplicativo que usa o hardware.
 
Os subcapítulos abaixo procuram seguir este caminho para diversos ''hardwares'' diferentes.
 
=== 3.11.1 Configurando uma placa de rede ===
Em último caso, abra a máquina e procure a marca na própria placa. Quase todos os fabricantes colocam a marca da placa no próprio circuito impresso ou no CI principal da placa (normalmente é o maior).
* Depois de identificar a placa, será preciso carregar o módulo correspondente para ser usada no <code>Linux</code>. Em algumas instalações padrões o suporte já pode estar embutido no kernel, neste caso, você poderá pular este passo.
 
Para carregar um módulo, digite o comando modprobe modulo (Veja [ch-kern.html#s-kern-modprobe modprobe, Seção 16.8]) . Em placas ISA, geralmente é preciso passar a IRQ e porta de I/O como argumentos para alocar os recursos corretamente. O <code>modprobe</code> tentará auto-detectar a configuração em placas ISA, mas ela poderá falhar por algum motivo. Por exemplo, para uma NE 2000: modprobe ne io=0x300 irq=10.
 
Para evitar a digitação destes parâmetros toda vez que a máquina for iniciada é recomendável coloca-lo no arquivo <code>/etc/modules.conf</code> da seguinte forma:
1 653

edições