Guia do Linux/Iniciante+Intermediário/Personalização do sistema/Variáveis de Ambientes: diferenças entre revisões

Variáveis inteiras
(f)
(Variáveis inteiras)
 
Exemplo: Para criar uma variável chamada <code>TESTE</code> que contenha o valor 123456 digite: export TESTE=123456. Agora para ver o resultado digite: echo $TESTE ou set|grep TESTE. Note que o $ que antecede o nome <code>TESTE</code> serve para identificar que se trata de uma variável e não de um arquivo comum.
 
=== Variáveis numéricas ===
As variáveis definidas através de:
variavel = valor
são, por default, strings. Assim, não estranhe se, depois de:
 
n=1
echo "Teste 1" > teste$n.txt
n=$n+1
echo "Teste 2" > teste$n.txt # erro
 
não acontecer o que seria esperado (a criação do arquivo teste2.txt com a string "Teste 2"). O motivo é que, ao definir ''n=1'', temos que ''n'' é uma variável ''string'', então ''$n+1'' simplesmente pega a ''string'' e acrescenta ''+1'', formando a ''string'' "1+1".
 
Para fazer aritmética com números inteiros, é preciso definir ''n'' como um inteiro, por exemplo, usando-se ''[[Guia foca Linux/Iniciante+Intermediário/Comandos diversos/typeset|typeset]]''.
 
typeset -i n=1
echo "Teste 1" > teste$n.txt
n=$n+1
echo "Teste 2" > teste$n.txt # correto
 
{{AutoNav}}
1 653

edições