Diferenças entre edições de "Logística/Localização/Selecção de locais/Selecção sistemática do local para uma instalação/Medida dos factores críticos e objectivos"

Actualização
(Actualização)
(Actualização)
 
 
A [[w:Medição|medição]] dos factores [[w:Fatores críticos de sucesso|críticos]] para cada [[w:Sítio|local]] permite eliminar de [[w:Análise|análise]] mais detalhada todos os locais que não satisfaçam alguns dos factores críticos. Neste caso é atribuído ao local um indicador de factor crítico, ''critical factor index'' (CFI), igual a zero. Se o local satisfaz o factor crítico, é-lhe atribuído o valor 1. A [[w:Medida (física)|medida]] do factor crítico de cada local é igual ao [[w:Multiplicação|produto]] dos indicadores de factores críticos, de cada local ([[Logística/Referências#refbTOMPKINSD|Tompkins eet Whiteal., 1984, p. 516-519]]).
 
Um [[w:Exemplo|exemplo]] do cálculo desta medida é dado na tabela seguinte.
 
 
<center>Tabela 1. Medida do factor crítico de alguns locais. Fonte: Adaptado de [[Logística/Referências#refbTOMPKINSD|Tompkins eet Whiteal. (1984, p. 517)]]</center>[[Imagem:Medida do factor crítico para alguns locais.jpg|thumb|center|500px]]
 
 
Por [[w:Observação|observação]] da tabela anterior, apenas os locais 1 e 4 satisfazem todos os factores críticos, sendo atribuído a cada factor crítico um indicador igual a 1. Uma vez que o produto dos quatro indicadores dos factores críticos é igual a 1, apenas estes dois locais continuarão a ser considerados para potenciais [[w:Localização|localizações]]. Os restantes locais, por outro lado, não apresentando os [[w:Requisito|requisitos]] mínimos para todos os factores críticos, são eliminados de análise posterior. No sentido de avaliar e assegurar a compatibilidade entre as medidas dos factores objectivos e subjectivos, uma vez que associado a cada factor objectivo existe um [[w:Custo|custo]] expresso em [[w:Unidade de medida|unidades]] dimensionalmente consistentes, estas são convertidas em indicadores [[w:Número adimensional|adimensionais]], sujeitos a algumas restrições. A relação entre o custo total do factor objectivo de cada local, quando comparado com o de todos os outros locais deve ser preservada (1); o local com o custo mínimo deve ter a medida máxima (2); e a [[w:Soma (aritmética)|soma]] das medidas do factor deve ser igual a um (3). Devido a [[w:Problema matemático|problemas]] de [[w:Escala (medidas)|escala]], as restrições (2) e (3) são impostas para garantir que a medida do factor objectivo é compatível com a medida do factor subjectivo. A resolução simultânea das [[w:Equação|equações]] obtidas a partir das restrições, resulta numa medida do factor objectivo, [[w:Função|função]] do custo do factor objectivo de cada local.
 
[[Logística/Referências#refbTOMPKINSD|Tompkins eet Whiteal. (1984, p. 518)]] dão um exemplo de como obter o custo do factor objectivo, ''objective factor cost'' (OFC), de cada local e a medida do factor objectivo, ''objective factor measure'' (OFM). Esta medida, baseada apenas em custos objectivos, indica, por intermédio do indicador adimensional, o interesse relativo de cada local, em relação aos restantes.
 
{{AutoCat}}
430

edições