Linux para iniciantes/Instalando programas: diferenças entre revisões

[revisão pendente][revisão pendente]
== Instalação de programas ==
 
No LinuxLinuxa existem várias formas de se falar instalar um programa, e isso depende do programa a ser instalado. Ao contrário do que acontece no Windows e no MacOS, dificilmente um programa para Linux é adquirido comprando-se na loja, ou instalando em ''sites'' externos, como o Tucows, o C-Net, e os brasileiros Baixaki e Superdownloads. A maioria dos programas em geral também é de código aberto e está disponível no que se chamam de repositórios oficiais. Cada distribuição tem uma lista de repositórios oficiais, e por isso um programador, quando vai soltar um programa para Linux, procura enviar para os repositórios das distribuições mais usadas. Distribuições populares como o Ubuntu, o Fedora e o Mandriva têm mais de 11 mil programas em seus repositórios oficiais, e por isso raramente um usuário terá problemas para achar um programa para suas necessidades, e muitas vezes mais de um, já que programadores independentes também enviam aplicativos para os repositórios oficiais.
 
A instalação de programas, normalmente, deve ser feita pela conta do superusuário (''root''). As formas de instalar o programa variam da mais simples (do ponto de vista do usuário) à mais complicada, e normalmente o que uma instalação mais complicada faz é automatizar o que a instalação mais simples faz.
Utilizador anónimo