Engenharia genética/Clonagem por PCR: diferenças entre revisões

184 bytes adicionados ,  14h50min de 26 de fevereiro de 2008
sem resumo de edição
Sem resumo de edição
Sem resumo de edição
* De seguida ocorre o '''emparelhamento''' a 50-65 ºC, por 20-40 segundos.
 
Os ''primers'' estão sujeitos ao [http://en.wikipedia.org/wiki/Brownian_motion movimento Browniano].
 
As ligações mais estáveis — [http://pt.wikipedia.org/wiki/Ponte_de_hidrog%C3%AAnio pontes de Hidrogénio] DNA-DNA — formam-se entre os ''primers'' e o ''template'' que emparelham exactamente e, nessa pequena porção de DNA de dupla cadeia, a polimerase liga-se e copia um pouco do ''template''.
 
Quando existe uma porção emparelhada e ligeiramente polimerisada, a ligação é tão forte, que dificilmente é quebrada.
* Finalmente ocorre a '''polimerização / elongação''' a 72ºC (temperatura usada com Taq polimerase).
 
A polimerase adiciona dNTP´s[http://en.wikipedia.org/wiki/DNTP dNTPs] de 5'-3', sintetizando uma nova cadeia de DNA complementar à cadeia de DNA molde.
 
O tempo desta etapa depende da DNA polimerase usada e nodo comprimento do fragmento de DNA a amplificar.
 
[[Imagem:DNA replication.svg‎|thumb|right|450px|Replicação ou síntese de DNA é o processo em que se copia a molécula de DNA em dupla cadeia.]]
 
 
Para análise posterior dos produtos de PCR, pode proceder-se a uma [http://en.wikipedia.org/wiki/Electrophoresis electroforese].
 
 
187

edições