Guia básico de filosofia analítica

Nuvola apps edu miscellaneous.png Esta página é um monomódulo, ou seja, não está inserida em nenhum livro e/ou não tem subpáginas.
Ajude o Wikilivros inserindo-a em um livro existente ou por criar.

O objetivo deste guia é apresentar de maneira rápida e elementar alguns elementos fundamentais da filosofia analítica. O guia pressupõe alguma familiaridade com a filosofia em geral, e nenhuma familiaridade com a filosofia analítica. A apresentação será panorâmica, sem o aprofundamento em temas em debates. Tal aprofundamento pode vir a ser objeto de um Guia intermediário de filosofia analítica.

Tendências típicas da filosofia analíticaEditar

A filosofia analítica se caracteriza por algumas tendências metodológicas, metafísicas, semânticas e epistemologicas. Trata-se de tendências, e não de posições. Não há, propriamente, posições filosóficas típicas da filosofia analítica. O que há são certas tendências para a abordagem dos problemas filosóficos.

Práticas metodológicasEditar

Os pioneiros da filosofia analítica se caracterizaram pelo método da análise. Atualmente, o principal método é a apresentação e interpretação de experimentos mentais.

AnáliseEditar

Os pioneiros da filosofia analítica — filósofos como Gottlob Frege e Bertrand Russell — utilizaram a análise conceitual como método filosófico.

A idéia era colocar as questões filosóficas em uma linguagem formalizada.

Experimentos mentaisEditar

Debates metafísicosEditar

Várias questões metafísicas são debatidas na filosofia analítica. Nos concentraremos nos debates acerca da identidade pessoal e da identidade de pensamentos.

Identidade pessoalEditar

Identidade de pensamentosEditar

Debates sobre o significadoEditar

O conceito de significadoEditar

Significado, mente e ambienteEditar

Debates sobre o conhecimentoEditar

A contribuição de GettierEditar

Teorias da justificaçãoEditar

Conceitos-chave da filosofia analíticaEditar

Os debates em filosofia analítica se concentram ao redor de alguns conceitos. Veremos como esses debates se articulam ao redor de três conceitos centrais da metafísica (identidade), da semântica (significado) e da epistemologia (conhecimento).

IdentidadeEditar

SignificadoEditar

ConhecimentoEditar

 

Esta página é um esboço de Filosofia. Ampliando-a você ajudará a melhorar o Wikilivros.