Guia do Linux/Iniciante+Intermediário/Manutenção do sistema/Limpando arquivos de LOGS

Limpando arquivos de LOGSEditar

Tudo que acontece em sistemas GNU/Linux pode ser registrado em arquivos de log em /var/log, como vimos anteriormente. Eles são muito úteis por diversos motivos, para o diagnóstico de problemas, falhas de dispositivos, checagem da segurança, alerta de eventuais tentativas de invasão, etc.

O problema é quando eles começam a ocupar muito espaço em seu disco. Verifique quantos Megabytes seus arquivos de LOG estão ocupando através do comando cd /var/log;du -hc. Antes de fazer uma limpeza nos arquivos de LOG, é necessário verificar se eles são desnecessários e só assim zerar os que forem dispensáveis.

Não é recomendável apagar um arquivo de log pois ele pode ser criado com permissões de acesso indevidas (algumas distribuições fazem isso). Você pode usar o comando: echo -n >arquivo ou o seguinte shell script para zerar todos os arquivos de LOG de uma só vez (as linhas iniciante com # são comentários):


     #! /bin/sh
     cd /var/log
     for l in `ls -p|grep '/'`; do
      echo -n >$l &>/dev/null
      echo Zerando arquivo $l...
     done
     echo Limpeza dos arquivos de log concluí­da!

Copie o conteúdo acima em um arquivo com a extensão .sh, dê permissão de execução com o chmod e o execute como usuário root. É necessário executar este script para zerar arquivos de log em subdiretórios de /var/log, caso sejam usados em seu sistema.

Algumas distribuições, como a Debian GNU/Linux, fazem o arquivamento automático de arquivos de LOGs em arquivos .gz através de scripts disparados automaticamente pelo cron. ATENÇÃO: LEMBRE-SE QUE O SCRIPT ACIMA APAGARÁ TODOS OS ARQUIVOS DE LOGs DO SEU SISTEMA SEM POSSIBILIDADE DE RECUPERAÇÃO. TENHA ABSOLUTA CERTEZA DO QUE NÃO PRECISARÁ DELES QUANDO EXECUTAR O SCRIPT ACIMA!