Guia do Linux/Iniciante+Intermediário/Manutenção do sistema/Recuperando a senha de root perdida

Recuperando a senha de root perdidaEditar

Uma situação que você deve ter se deparado (ou algum dia ainda vai se deparar) é precisar alterar a senha de root e não sabe ou não lembra a senha atual. Esta situação também pode ser encontrada quando ocorre uma falha de disco, falha elétrica, reparos em uma máquina que não detém sua manutenção, etc. A melhor notí­cia é que a alteração da senha de root é possí­vel e não apresenta problema qualquer para o sistema. Existem várias formas para se fazer isto, a forma que descreverei abaixo assume que você tem acesso a um outro dispositivo de partida que não seja o HD do Linux (CD-ROM, disquetes, outro disco rí­gido, etc). Assim, mesmo que encontre uma senha de BIOS em uma máquina, poderá colocar o disco rí­gido em outra máquina e executar estes procedimentos.

OBS: Estes procedimentos tens fins didáticos e administrativos, não sendo escritos com a intenção de fornecer mal uso desta técnica. Entender a exposição de riscos também ajuda a desenvolver novas técnicas de defesa para sistemas crí­ticos, e estas são totalmente possí­veis e as mais usadas documentadas neste guia.

  • Como primeiro passo consiga um CD de partida ou disquete de uma distribuição Linux. Normalmente os mesmos CDs que usou para instalar sua distribuição também são desenvolvidos para permitir a manutenção do sistema, contendo ferramentas diversas e um terminal virtual disponí­vel para trabalhos manuais (tanto de instalação como manutenção).
  • Vá até a BIOS da máquina e altere a ordem de inicialização para que seu sistema inicialize a partir do disquete ou CD-ROM (dependendo do método escolhido no passo anterior).
  • Inicialize a partir do Disquete/CD-ROM.
  • Na maioria dos casos você provavelmente estará utilizando o CD-ROM que usou para instalar sua distribuição. Imediatamente quando o programa de instalação for iniciado, pressione ALT F2 para alternar para o segundo terminal virtual do sistema. O segundo terminal esta sempre disponí­vel nas distribuições distribuições Debian, Red Hat, Conectiva, Fedora, etc.
  • O próximo passo será montar sua partição raí­z para ser possí­vel alterar sua senha de root. Para isto, crie um diretório onde a partição será montada (por exemplo, /target) e execute o comando mount: mount /dev/hda1 /target (assumindo que /dev/hda1 é a partição que contém seu sistema de arquivos raí­z (/).
  • Entre no diretório /target (cd /target) e torne-o seu diretório raí­z atual com o comando: chroot ..
  • digite passwd e entre com a nova senha de superusuário.
  • saia do chroot digitando exit
  • Digite sync para salvar todas as alterações pendentes para o disco e reinicie o sistema (pressionando-se as teclas CTRL ALT DEL, init 6, reboot).
  • Retire o CD da unidade de discos e altere sua BIOS para dar a partida a partir do disco rí­gido.
  • Teste e verifique se a senha de root foi alterada.

Normalmente as distribuições seguem o padrão FHS, mantendo binários de administração necessários para recuperação do sistema em caso de panes dentro da partição /, se este não for o caso de sua distribuição (hoje em dia é raro), você terá que montar sistemas de arquivos adicionais (como o /usr, /var) ou então o comando passwd não será encontrado ou terá problemas durante sua execução.