Guia dos Trouxas para Harry Potter/Personagens/Marvolo Gaunt


Marvolo Gaunt
  • sexo = Masculino
  • cabelos = emaranhados e curtos
  • olhos = castanhos claros
  • família = Morfin Gaunt, Merope Gaunt, Salazar Slytherin, Lord Voldemort.
  • lealdade = Sangue Puro

Visão GeralEditar

Marvolo Gaunt, patriarca dos remanescentes da Casa de Gaunt, que foi motivo de orgulho, é um descendente de Salazar Slytherin e avô de Lord Voldemort.

Papel nos LivrosEditar

Aviso aos Iniciantes: Seguem detalhes que vocês podem não querer ler em seu nível atual de leitura.

A Câmara SecretaEditar

Nas lembranças de Tom, revividas no diário, o adolescente de dezesseis anos, Tom Marvolo Riddle, revela ao Professor Dippet (que era o diretor na época) que foi chamado de Tom em homenagem a seu pai, e Marvolo por causa de seu avô. (Tom não escreveu seu nome completo no diário, aparentemente anotando apenas "T. M. Riddle".)

O Enigma do PríncipeEditar

Marvolo é visto, quando ele está contendo seu filho, Morfin, que acaba de atacar um bruxo do Ministério da Magia, Bob Ogden. Ele é descrito como tendo um físico estranho, com ombros largos e braços muito longos. Quando Ogden explica que Morfin está sendo convocado para uma audiência por ter enfeitiçado um Trouxa, Marvolo parece não se importar; afinal de contas, era apenas um Trouxa, então não tinha problema. Quando foi dito que Morfin quebrou as leis da magia, ele mostra a Ogden o ancestral anel dos Peverells, e o medalhão de Salazar Slytherin, como prova de que pode traças sua linhagem até as mais antigas famílias bruxas de sangue puro. Ogden responde que o sangue, não pode valer mais do que a lei, mas Marvolo nem escuta. Enquanto isso, Marvolo é visto maltratando sua filha Merope, ficando furioso quando percebe que ela estava interessada num Trouxa, Tom Riddle Sr. o mesmo que Morfin enfeitiçou. Marvolo ataca Merope; Ogden a defende, mas acaba tendo que fugir de Morfin.

Quando o Ministério volta para prender Morfin, Marvolo resiste, e é preso, julgado e condenado a seis meses em Azkaban. Quando ele volta da prisão, descobre que sua filha fugiu com o Trouxa; ele nunca mais diz o nome dela e morre antes de Morfin sair da prisão.

Pontos FortesEditar

Pontos FracosEditar

Marvolo é uma ameaça a estranhos e nunca teve ligações com ninguém próximo de sua casa. Ele também é cruel com sua família, especialmente com a filha Merope. Ele a acusa de ser fraca em habilidade mágica. Ele mal fala com seu filho Morfin; o que ele mais valoriza, acima de seus filhos, são as heranças da família. Ele é cheio de um enorme orgulho de sua linhagem, como descendente de Salazar Slytherin, e por isso, ele se tem em alta conta, ainda que ele e sua família sejam muito pobres.

Relacionamentos com Outros PersonagensEditar

AnáliseEditar

PerguntasEditar

SpoilerEditar

Aviso aos leitores de nível intermediário: Seguem detalhes que vocês podem não querer ler em seu nível atual de leitura.

Visão CompletaEditar

A família Gaunt representa o pior aspecto do orgulho bruxo e da mania de sangue puro. Embora sejam descendentes de Salazar Slytherin, gerações de casamentos entre famílias próximas, fanatismo, preguiça e sentimentos de superioridade arruinaram a linhagem Slytherin. Sua fortuna foi esbanjada por gerações anteriores e os Gaunts agora vivem isolados, na miséria, odiando a todos que não são bruxos de sangue puro. Marvolo se considera um bruxo aristocrata, mas de fato ele é violento, tem um temperamento horrível, é um vagabundo ignorante. Marvolo é um homem inútil, sem ambições, sem respeito pelos outros (incluindo seus próprios filhos) e sem consciência social

A insensatez tanto de orgulho de sangue puro, quanto de arrogância “os Bruxos Primeiro”, é tema recorrente através da série. Os Gaunts e seu último descendente, Voldemort, representam o perigo (e a loucura) da idéia de superioridade racial, intolerância e do direito aristocrático, que ainda existem no mundo real.