Introdução à Biologia/Introdução/O que é a vida?

O que é vida?Editar

Os organismos vivos, o que inclui os animais, as plantas e as bactérias, são constituídos pelos mesmos elementos químicos de que são feitos os oceanos, as rochas e as estrelas. Contudo, os organismos vivos distinguem-se dos organismos não vivos porque apresentam algumas características em comum, como por exemplo: são constituídos por células, todos nascem, crescem, reproduzem-se e por fim morrem.

Para tudo isto, precisam de energia, as plantas, obtêm-na do Sol através da fotossíntese, os animais dos alimentos, constituídos por plantas ou outros animais, e as bactérias da fotossíntese ou da degradação de substâncias orgânicas.

Parte desta energia é utilizada para manter a ordem interna. Todos os seres vivos, para conseguirem viver necessitam de manter inalteradas algumas características, como a temperatura, ou a concentração de água, independentemente das condições ambientais em que se encontram.

Outra grande parte desta energia é gasta durante a reprodução, esta pode é mais simples no seres unicelulares, e mais complexa nos seres pluricelulares. Com a reprodução, os seres vivos transmitem às gerações seguintes as informações relativas à sua estrutura e ao seu funcionamento, estas informações estão contidas numa energia, molécula chamada de DNA.

Com efeito as novas gerações são semelhantes aos seus progenitores mas não são idênticos, estas possuem sempre pequenas novidades o que lhes permite uma melhor adaptação a eventuais mudanças do ambiente, ou um melhor aproveitamento dos seus recursos. Este facto demonstra outra importante característica dos seres vivos, ou seja, a capacidade de evoluírem. Os primeiros seres vivos a aparecerem foram os seres procariontes e estes terão aparecido num momento entre a origem da Terra (4600Ma) e os 3000 Ma, época do primeiro achado fóssil. As células eucarióticas, terão surgido há 2000 – 1400 Ma, seguida dos seres multicelulares a 700 Ma.