Guia dos Trouxas para Harry Potter/Magia/Crucio


Crucio
  • tipo = Feitiço (Spell) Maldição (Curse)
  • características Causa uma dor excruciante.
  • Aparece pela Primeira Vez = O Cálice de Fogo


Visão GeralEditar

A Maldição Cruciatus causa extrema dor na vítima. Junto com a Maldição Imperius e Avada Kedavra (a Maldição Mortal), a Maldição Cruciatus é considerada uma das mais terríveis maldições do mundo mágico, chamadas de Maldições Imperdoáveis; o uso de qualquer uma das três em outro ser humano será punido com prisão perpétua em Azkaban.

Descrição EstendidaEditar

SpoilerEditar

Aviso aos Iniciantes: Seguem detalhes que vocês podem não querer ler em seu nível atual de leitura.

Bellatrix Lestrange e três outros Comensais da Morte de Lord Voldemort usaram essa maldição nos pais de Neville Longbottom, torturando ambos até um estado de insanidade irreversível. Desde então, eles vivem numa ala especial do Hospital St. Mungo.

Harry Potter tentou usar essa maldição em Bellatrix Lestrange depois que ela matou o padrinho de Harry, Sirius Black. No entanto, quando Harry lança essa maldição ela não tem o mesmo efeito que quando é lançada pelos Lestrange ou outros bruxos do mal. Como Lestrange explica a Harry, o conjurador do feitiço deve, de fato, desejar ferir a vítima para que a maldição tenha o efeito desejado. No caso de Harry, ele estava envolvido por uma raiva verdadeira, mas não tinha intenção maldosa.

Draco Malfoy tenta usar essa maldição em Harry em determinado momento, mas Harry se antecipa usando Sectumsempra. Harry usa essa maldição novamente em Amycus Carrow que havia cuspido na Professora McGonagall. A maldição é mais efetiva nesse caso porque Harry sentia verdadeiro ódio de Carrow.

Não é necessário afirmar que essa é uma das maldições favoritas de Lord Voldemort. Voldemort usa essa maldição em seus próprios seguidores inúmeras vezes, e duas vezes a usa em Harry. A segunda vez não funciona porque a varinha que ele está usando já havia escolhido Harry como seu mestre.

AnáliseEditar

PerguntasEditar

  1. Por que a Maldição Cruciatus de Voldemort não funciona contra Harry na Floresta Proibida, após a experiência de “quase morte” de Harry?
  2. A varinha, de alguma forma, define o poder da maldição Cruciatus?

SpoilerEditar

Aviso aos leitores de nível intermediário: Seguem detalhes que vocês podem não querer ler em seu nível atual de leitura.

Visão CompletaEditar

Em, A Ordem da Fênix, Harry tenta usar a Maldição Cruciatus contra Bellatrix Lestrange em defesa própria, mas falha. Bellatrix zomba dele porque falhou, dizendo que “ele precisa desejar de fato”, que ele tem que odiar de verdade a pessoa, para a maldição funcionar. Assim como o feitiço Expecto Patronum, depende de ter a mente cheia de pensamentos felizes, as Maldições Imperdoáveis necessitam que a mente esteja cheia de raiva ou ódio. Harry percebe isso, na verdade, quando lança a Maldição Cruciatus em Amycus Carrow, depois que Carrow cospe no rosto da Professora McGonagall no dormitório da Ravenclaw, deixando claro que a raiva é necessária para a maldição funcionar.