Português/Classificação das palavras/Verbos/Verbos de ligação

Os verbos de ligação (copulativos ou designativos) são verbos que não possuem valor grande semântico na frase, apenas sintático, sendo classificados como verbos relacionais.

Observações: Verbos de ligação são diferentes de verbos auxiliares! Os auxiliares formam os tempos compostos, diferente dos de ligação!

Os verbos de ligação (VL)Editar

Cada verbo de ligação representa certo período de tempo, representando características que podem ser duradouras ou momentâneas:

  • Ser: É o verbo de ligação que apresenta caracterítica mais duradoura, pode ser usado para estabelecer caracteríticas permanentes, desde a criação do ser ou objeto, ou características que estão presentes há alguns meses, dependendo do contexto. Pode também dar uma característica comum a todos seres ou objetos daquela espécie.
Ele é português.
Desde então elas são alegres.
Um dia eu serei famoso.
Era uma vez uma princesa...
Que tudo apartir daqui seja bom.
  • Estar: É o verbo de ligação que apresenta características momentâneas (às vezes estas características podem ter o significado de tender a ser duradouras, a partir do tempo do enunciado, nesses casos o verbo estar pode ser substituído por ser).
Desde então elas estão alegres.
Um dia eu estarei famoso.
Pensei se isso estará bom.
Amanhã estarei em casa.
Estamos no mês de maio.
  • Permanecer: É o verbo de ligação que apresenta características que surgiram no passado (próximo ou não) e que duram até o tempo do enunciado, tem sentido de continuar.
Elas permaneceram calmas durante o ensaio.
Ele permanece famoso.
Amanhã permanecerei em casa.
Tudo permaneceu tranquilo.
Pensei se isso permanecerá bom a partir de então.
  • Ficar: É o verbo de ligação que apresenta características que derrepente surgiram. É o que possui característica mais momentânea de todos.
Fiquei bravo quando descobri tudo.
Amanhã ficarei em casa.
Ficarei famoso um dia.
Ficamos com muito frio naquele inverno.
Depois do julgamento ele ficará preso.
  • Tornar-se, Transformar-se ou Virar: Iguais ao verbo ficar, porém a característica é duradoura.
Ele tornou-se rico.
Viramos pais.
Tornar-me-ei um vencedor.
Talvez tu virarás o diretor da empresa.
A menina Elen tornava-se uma mulher.

Predicado nominal (predicativo)Editar

O Predicado é a parte da frase em que declara-se ações do sujeito. O Predicado nominal (ou predicativo) esclarece modificações e qualidades que ocorreram naquele período com o sujeito ou em um longo período. Uma frase com predicado nominal é formada por Sujeito + Verbo de Ligação + Adjetivo:

  • A água é quente.
  • A água está quente.
  • A água permanece quente.
  • A água fica quente.
  • A água torna-se quente.
  • A água vira quente.

Orações subordinadasEditar

Além disso, existem as orações subordinadas que necessitam de verbos de ligação. É o caso da oração subordinada adjetiva restritiva. Também acrescenta-se verbo de ligação na oração principal das frases que possuem orações subordinadas substantivas predicativas e em algumas subjetivas (depende do contexto):

  • As cores que são escuras refletem menos luz. → Restritiva
  • Os garotos que ficaram envergonhados foram para casa. → Restritiva
  • As coisas mais engraçadas da vida são as que ocorrem inesperadamente. → Predicativa
  • Os maiores guerreiros eram os que nos amavam. → Predicativa
  • É justo que ele ganhe o campeonato. → Subjetiva
  • Melhor permanecerá se todos forem conosco. → Subjetiva